Campo Grande

             Justificando seu nome, Campo Grande ocupa um espaço geográfico privilegiado, na região central do Estado, nas imediações do divisor das águas da bacias dos Rios Paraná e Paraguai, onde os elementos básicos da natureza tornam-se fatores imprescindíveis para a fixação do homem.
            Com 8.096 km², está localizado geograficamente na porção central de Mato Grosso do Sul, ocupando 2,26% da área total do Estado.

Comemorações da emancipação da vila   de Santo Antônio de Campo Grande

No dia vinte e seis de agosto, do ano de mil oitocentos e noventa e nove, seria um dia de festa na vila de Santo Antonio de Campo Grande. Na igreja do protetor  o dois sinos dariam um som festivo. Aglomerações, foguetórios, churrascos, folguedos, entrariam pela noite ao som de catiras e polcas paraguaias. Afinal depois de antigas e insistentes reivindicações, o governo estadual assinava a resolução de emancipação da vila, criando o município de Campo Grande. Essa festa, entretanto não aconteceu. Por uma razão muito simples: ninguém sabia.
Na época, não existia rádio, telefone estava longe. O telégrafo era um projeto que Rondom no começo do século faria a aventura de implantar. O correio já existia no papel, criado para a vila pela administração geral de Cuiabá, cinco anos antes da emancipação. Mas ninguém ficou sabendo...pela falta de correio.

Texto retirado do livro
“Campo Grande 100 anos
de construção”


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Menu Geral
   

Home

Email